Vendasnovarejo4estrategiasparaaumentarseuticket

Vendas no varejo: 4 estratégias para aumentar seu ticket

Adotar diferentes estratégias em vendas no varejo é o caminho mais eficaz para alcançar resultados mais satisfatórios, o que inclui aumento na participação do mercado e fidelização dos clientes.

Entre todas as possibilidades que podem ser colocadas em prática, vamos listar 4 delas e explicar cada uma com mais detalhes. Continue a leitura para saber como alavancar o desempenho da sua empresa!

1. Entender o perfil dos clientes

Antes de tudo, é importante identificar o perfil dos clientes que frequentam a loja, a fim de saber quais produtos podem ser oferecidos a eles, com base em suas preferências, expectativas, objetivos e outras variáveis.

Para isso, a melhor estratégia é escutar o seu público-alvo. Adote questionários que contenham perguntas objetivas e pesquisas de mercado e fique de olho nas tendências que circulam pelas redes sociais. Com base nas observações, crie perfis que se baseiam em diversas informações, como:

  • gênero;
  • idade;
  • renda;
  • localização;
  • hobbies.

2. Fazer promoções e vendas especiais

Para realizar boas vendas no varejo, deve-se também inovar para chamar a atenção do cliente. Uma das alternativas para colocar isso em prática é promover ofertas por tempo limitado — e é um grande diferencial, principalmente, se o produto ofertado for um bem procurado no mercado, mas com uma oferta mais baixa.

Dessa forma, os consumidores se sentirão seduzidos pela oportunidade de obter um item almejado, por um preço atraente. Com o gatilho da urgência, eles não sabem quanto tempo o anúncio vai durar e, aí, têm mais chances de comprar.

Outra estratégia envolve ofertas para dias e horários de menos movimento. Lembre-se de fazer uma divulgação mais ampla dessas promoções e atraia um volume maior de pessoas para o seu negócio em períodos de baixa.

3. Oferecer um atendimento padronizado

O atendimento é o cartão de visitas qualquer negócio, pois ele é a ponte entre o cliente e o produto. Por isso, é necessário ter muito cuidado com o treinamento que os colaboradores recebem.

Qualquer um que faça contato com o consumidor estará envolvido no processo de fidelização e, consequentemente, na venda dos produtos. Por isso, o ideal é manter uma padronização no atendimento, para que o cliente se sinta satisfeito em qualquer ocasião, a partir do momento que entre na loja.

Porém, não deixe o atendimento engessado. Seguir um roteiro é importante para mostrar consistência, mas também deve haver espaço para a personalização (tornando o relacionamento ainda mais próximo).

4. Investir em marketing digital

Ainda no assunto de relacionamento com o público, muitas oportunidades são perdidas devido à ineficiência das campanhas de marketing digital ou por, simplesmente, sua importância ser subestimada.

Em um período em que as pessoas se fazem cada vez mais conectadas, não manter uma estratégia online é praticamente sinônimo de não se tornar reconhecido. As redes sociais e os blogs, principalmente, são uma maneira de aumentar a proximidade e melhorar a relação com o público (clientes ou prospects).

O custo para implementação desse método é baixo e tem um retorno bem satisfatório. Além disso, expondo sua marca nas redes sociais, os próprios consumidores se encarregarão de fazer uma divulgação espontânea — seja por comentários em postagens, compartilhamento ou até mesmo marcações.

Colocar essas estratégias em prática é uma decisão que traz diversos benefícios positivos para os resultados em vendas no varejo, principalmente no que diz respeito ao ticket médio e ao faturamento do seu negócio.

Gostou deste artigo e quer ampliar seus conhecimentos sobre gestão? Então, aproveite para conferir um conteúdo que fizemos especialmente para falar sobre relacionamento e fidelização de clientes!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *